Skip to Content

Lido com atenção

A Reforma do IRC

“A Fiscalidade é um elemento fundamental de captação do investimento, criação de emprego e de desenvolvimento. A Justiça e a equidade têm de andar a par com o pragmatismo por forma a premiar quem cria empresas e investe. Por outro lado, dados os constrangimentos orçamentais, é necessário que uma alteração do sistema fiscal não ponha em causa as metas orçamentais, mas sim contribua para elas através da potenciação do crescimento económico.” Artigo de opinião de Tiago Caiado Guerreiro, publicado no Jornal de Negócios de hoje, dia 26/02/2013 (carregar no texto para acesso ao documento original)

 

Apostar na TAFTA

“A concretização de uma TAFTA é de uma importância decisiva para a Europa para a melhoria significativa das perspectivas de crescimento. Para Portugal existem ainda razões adicionais a somar.” Artigo de opinião de Avelino de Jesus, publicado no Jornal de Negócios de hoje, dia 25/02/2013 (carregar no texto para acesso ao documento original)

 

A europeização da política

“Há, pelo menos, um lado que pode vir a ser positivo nesta tremenda crise europeia que estamos a viver nos últimos três anos. A política nacional ganhou uma nova dimensão europeia, que verdadeiramente já tinha, mas qua ainda não tinha chegado à opinião pública.” Artigo de opinião de Teresa de Sousa, publicado no jornal Público de hoje, dia 21/02/2013 (carregar no texto para acesso ao documento original)

Taxa Tobin reduz as receitas fiscais

“Parece que a nova taxa sobre as transacções financeiras, uma forma de taxa Tobin, irá entrar em vigor no início de 2014, embora a sua preparação ainda esteja muito atrasada. Pior do que isso, tudo indica que ela, não só não vai alcançar os objectivos almejados, como terá efeitos secundários muito negativos, que suplantarão largamente os parcos benefícios que poderá trazer”. Artigo de opinião de Pedro Braz Teixeira, publicado no Jornal de Negócios de hoje, dia 21/02/2013 (carregar no texto para acesso ao documento original)

 

Seleção e Nomeação dos Gestores Públicos

“Têm conseguido fugir a este escrutínio rigoroso várias organizações do sector público, desde falsas sociedades anónimas maioritariamente públicas até às múltiplas empresas municipais artificiais”. Artigo de opinião de Luís Todo Bom, publicado no seminário Expresso, no passado dia 16/02/2013 (carregar no texto para acesso ao documento original).

1 2 ... 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81