Consulte aqui a Nota de Conjuntura do Forum para a Competitividade, relativa ao mês de Abril de 2018.

De acordo com o FMI, entre 2018 e 2023, a Grécia deverá abandonar o pelotão dos piores, mas Portugal não, passando a ter o 2º pior crescimento da UE.

Entre 2018 e 2022, a redução do défice estrutural é de apenas 0,4 pp em 2018 e 0,3 pp em 2019, o que é inferior ao recomendado pela Comissão Europeia. Como pensamos que a redução do défice estrutural estará sobrestimada, isso afasta-o ainda mais do recomendado.

Estes são alguns dos temas que desenvolvemos na nossa Nota de Conjuntura de Abril de 2018.